Rua Gomes de Carvalho, 1356 - 2º andar
São Paulo - SP
Avenida Carlos Gomes, 222 - 8º andar
Porto Alegre - RS
+ 55 (11) 3995-5221
+ 55 (51) 3378-1136

PR HACKS - ENGAJE!

#EraDoEngajamento

Catuaba transforma garrafa em vuvuzela e ensina como aproveitar a Copa do Mundo

Muitas marcas querem aproveitar a chegada da Copa do Mundo 2018, mas a FIFA tem restrições sérias quanto ao uso da imagem do evento por outras empresas que não os patrocinadores e apoiadores. O bom é que essas regras não são impeditivas, basta usar a criatividade, como fez a Catuaba, que anunciou a produção de 200 mil garrafas que depois podem ser usadas como vuvuzelas.

A ação é uma demonstração excelente de que, com cuidado, dá para associar a sua empresa a um dos poucos eventos que ainda anima os brasileiros este ano, como mostrou a pesquisa Engaje! Monitor Satisfação 2018. Em levantamento realizado por todo o país, 85% dos respondentes afirmaram que devem acompanhar o evento e 75% estão otimistas com o desempenho da seleção.

Para te ajudar a não perder essa onda, separamos as regras para marketing envolvendo a Copa do Mundo do Manual da Fifa. Veja a seguir quais são elas!

Não pode

1) Uso de palavras

Os seguintes termos não podem ser vinculados a artes digitais e físicas, nem em fan pages de marcas: Copa + local do evento / Copa + ano do evento / local do evento + ano. Ou seja, expressões “Copa do Mundo”, “Copa do Mundo da Rússia”, “Rússia 2018” e etc não podem estar nem em artes nem em textos promocionais.

2) Uso de artes

O mesmo vale para os logotipos do evento e seu mascote, assim como a fonte deles, que tem os direitos autorais registrados pela FIFA. O troféu também não pode ser utilizado.

3) Imagens da Rússia

A identidade visual do evento, como a bola e outras ilustrações que fazem parte do “Official Look”, mais de 100 ilustrações relacionadas ao país e às cidades-sede estão proibidas.

4) Fazer sorteios relacionados ao evento

Atrelar a venda de serviços e produtos explicitamente à Copa do Mundo pode gerar ações judiciais contra seu negócio. Por exemplo, você pode sortear uma TV para ver jogos, mas não para ver os jogos da Copa.

Pode

1) Futebol e jogadores

Referências genéricas tanto ao esporte quanto aos jogadores da seleção podem ser feitas.

2) Copa

A palavra pode ser utilizada sozinha, mas não pode ter 2018 na sequência. Atenção aos detalhes.

3) Bandeiras de países

Cores e emblemas dos países para fazer alusões aos jogos, mas tome cuidado com os brasões oficiais, que também estão protegidos por direitos autorais.

4) A seleção

As regras são semelhantes às da Fifa, mas a marca pertence à CBF (Confederação Brasileira de Futebol). Você pode usar “seleção”, mas não “seleção brasileira”, nem o brasão e o uniforme oficial.

Se quiser conferir o manual na íntegra, acesse esse link.