Rua Gomes de Carvalho, 1356 - 2º andar
São Paulo - SP
Avenida Carlos Gomes, 222 - 8º andar
Porto Alegre - RS
+ 55 (11) 3995-5221
+ 55 (51) 3378-1136

PR HACKS - ENGAJE!

#EraDoEngajamento
6 dicas de home office

6 dicas para se adaptar com mais facilidade ao home office

Para auxiliar a rotina dos profissionais que precisaram adotar de um dia para o outro o sistema de home office em meio à crise do Covid-19, nosso experiente time sintetizou dicas importantes.

Uma das premissas inovadoras da Engaje! Comunicação ao ser lançada, em 2011, foi a adoção do sistema home office. Hoje, temos um time bem adaptado. Mas que ainda aprende diariamente sobre os desafios desse modelo de trabalho, ainda considerado novo por muitas pessoas e empresas.

A tendência, no entanto, é que haja cada vez maior aderência das empresas ao novo modelo. De acordo com um levantamento do IBGE em 2018, cerca de 3,8 milhões de brasileiros já trabalhavam dentro de casa. Isso significa o maior contingente de pessoas no chamado home office já registrado. Isso representa 5,2% do total de trabalhadores ocupados no país (com exceção de empregados no setor público e os trabalhadores domésticos). E uma alta de 44,4% em relação à contagem realizada em 2012, quando teve início a série histórica da pesquisa.

Sendo assim, aos que de repente foram remanejados para desenvolver seus trabalhos de casa e aos que irão passar a trabalhar de casa, num futuro próximo, quando mais empresas começarem a aderir, nossa sugestão é começar com calma e otimismo.

LEIA TAMBÉM: Home office é estratégia empresarial e não benefício para o colaborador

FOQUE NOS BENEFÍCIOS

Pense no fim do tempo perdido com deslocamento (meios de transporte lotados, trânsito, etc.), além das vantagens de estar próximo à família e no conforto do lar.

PREPARE O CENÁRIO

Antes de mais nada, adapte um cômodo da casa em que possa se preservar de barulhos, intervenções de familiares e animais, durante o horário que estipulou para trabalhar. Isso é chave para o sucesso do home office.

DEFINA UMA ROTINA. SEJA DISCIPLINADO

Estipule o horário que estará dedicado e disponível ao trabalho, como já fazia antes, e procure se concentrar nele durante este período. Entenda qual seu nível de concentração sozinho e, se necessário, aja para restringir o que podem ser distrações irresistíveis (desde as redes sociais até um simples e-mail).  Lembre-se que todo equipamento e aplicativo sempre tem um botão liga-desliga.

COMBINE O JOGO

Comunique às pessoas com quem divide seu lar sobre suas necessidades e definições. Seja claro e gentil. Vale colocar um bilhete na porta do local que separa você dos demais ambientes com o seu horário de trabalho, pedido de silêncio. Isso pode ajudar todos a se lembrarem desse novo hábito que terão que adquirir em conjunto.

SE PERMITA UMA PAUSA

Sempre faça intervalos rápidos, de 10 minutos, durante a manhã e a tarde. Saia do ambiente, se alimente com algo saudável e socialize (com a família, vizinhos ou mesmo com seus amigos por telefone ou whatsapp). Essa quebra é importante para resgatar as energias e minimizar a sensação de isolamento por longos períodos, especialmente, no começo.

MANTENHA CONTATO

Importante, estabeleça um canal de contato corriqueiro com sua equipe (chefes, colegas, subordinados, fornecedores etc.) e o use sem moderação. Os aplicativos de mensagens e chamadas são uma ótima opção. Lembre-se que trabalhar remotamente não é trabalhar sozinho.

Veja Também
Relatório indica que “Detox digital” é tendência para 2019
4 tendências de marketing para observar em 2019
8 tendências de comunicação para 2018 que você ainda precisa conhecer
Estudo de caso Comunicação Interna: 6 segredos do Hubspot para engajar e fortalecer a cultura interna
Kemal Ishmael Jersey